19 outubro 2016

Resenha: Não Conte a Ninguém do autor Harlan Coben

Oiii pessoal!!!
A resenha de hoje é do livro "Não Conte a Ninguém" do autor Harlan Coben. Foi publicado pela editora Arqueiro, em 2001, contendo 319 páginas. É o primeiro romance do autor a aparecer na lista de Best-Sellers da The New York Times Book Review e teve uma adaptação para o cinema francês. Quer saber mais? Vem conferir!


Fonte da imagem: http://www.borboletasnacarteira.com.br/
Sinopse: Há oito anos, enquanto comemoravam o aniversário de seu primeiro beijo, o Dr. David Beck e sua esposa, Elizabeth, sofreram um terrível ataque. Ele foi golpeado e caiu no lago, inconsciente. Ela foi raptada e brutalmente assassinada por um serial killer. O caso volta à tona quando a polícia encontra dois corpos enterrados perto do local do crime, junto com o taco de beisebol usado para nocautear David. Ao mesmo tempo, o médico recebe um misterioso e-mail que, aparentemente, só pode ter sido enviado por sua esposa. Esses novos fatos fazem ressurgir inúmeras perguntas sem resposta: Como David conseguiu sair do lago? Elizabeth está viva? E, se estiver, de quem era o corpo enterrado oito anos antes? Por que ela demorou tanto para entrar em contato com o marido?

Esse foi o primeiro livro que li do autor Harlan Coben e desde então sou completamente apaixonada por ele. São livros que nos prendem do começo ao fim e sempre nos surpreendem, sempre existe um pequeno detalhe que muda todo o percurso da narrativa.

Enquanto lia, tentava decifrar o que iria acontecer e sempre errava. Foi o livro mais imprevisível que li em toda a minha vida até hoje. Quando eu finalmente pensei que estava resolvido, "Agora acabou, agora entendi tudo que está acontecendo", ele simplesmente ia lá e mudava tudo na página seguinte.

A história tinha tomado um caminho que eu pensei "Eu também tomaria esse caminho para os personagens", e então surgiu um detalhe que eu fiquei de boca aperta porque tudo tinha acabado de mudar. De repente, os inocentes eram culpados e os culpados, ainda mais culpados.

Foi uma experiencia incrível e, não importa quem seja ou o gênero preferido da pessoa, eu sempre irei indicar esse livro, porque o que é bom de verdade a gente sempre compartilha.

Escrito por: Ingrid Santana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Então deixe seu comentário!

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo