05 abril 2017

Resenha: "O beijo da morte", de Judie Castilho


Oiie leitores, tudo bem?

A resenha de hoje é sobre o livro O beijo da morte, da autora parceira Judie Castilho. Espero que gostem! 

Fonte da imagem: facebook - Judie Castilho


Sinopse:

"Quando a paz no universo está ameaçada, um amor impossível pode se tornar uma poderosa arma nas mãos inimigas.  Haysla e sua amiga, Violyt, estão iniciando uma nova fase em suas vidas.  Depois de passarem muitos anos na Terra, enfim chegou o dia pelo qual elas tanto esperaram! Elas estão completando 17 anos e ingressando na Academia Frantila, a escola mais prestigiada e disputada do universo. Mas as coisas não serão fáceis para elas... A União Universal e seus 16 planetas aliados acreditam estar cada vez mais unidos e poderosos. Porém, uma grande conspiração intergaláctica está se formando. Seus planetas inimigos não querem mais viver à margem do universo. Eles estão em busca de poder e de um elixir que lhes garanta uma longa vida. Para complicar ainda mais as coisas, Haysla está vivendo um peculiar triângulo amoroso. De um lado, um amor leve, divertido, tranquilo... Possível. De outro lado, um amor ardente, avassalador, compulsivo... Mas impossível. E para viver este amor, Haysla não temerá consequências, e pode colocar todo o universo em sérios apuros." 

Minhas impressões

A história toda se passa em um planeta chamado de Frantilla. Lá vemos diversos povos inter galáticos interagindo e isso é bastante interessante. Judie caprichou bastante na criação desse Universo. Adorei como ela separou os grupos por diferentes características físicas e poderes. E co-relacionou com a miscigenação das civilizações da Terra. 
Agora vamos falar sobre as protagonistas. Já fazia um tempo que tinha lido uma história com personagens juvenis, com suas dramas juvenis. E quando aceitei fazer a leitura achei que poderia vir a ser uma barreira. Mas Judie me conquistou com suas protagonistas, me fazendo ora querer brigar com elas, ora apoiá-las. 

Haysla é uma personagem com uma alta estima extremamente alta. O oposto de sua amiga Violyt. Ela é bem resolvida com seu corpo e sabe correr atrás do que quer. E acho que todo mundo deveria ser um pouco assim. Claro, na medida certa. E Haysla é assim. Ela faz do possível e impossível para conquistar algo que deseja demais, desde que não precise passar por cima de ninguém. 
Por ser filha de alguém muito importante, vemos a necessidade que ela sente de ser aceita por quem é. E não por ser filha de homem mais poderoso do Universo. Vemos uma jovem que apesar de pensar bastante em si, quando se fala de quem ama, ela defende com toda suas forças. 



Apesar disso, temos risos arrancados por diversos momentos na obra. O que torna a leitura super gostosa. A leitura flui super rápido. E nos identificamos a beça! Quem nunca ficou dividida entre dois amores? Eu confesso que sempre tive uma torcida beeem maior para um dos lados (não direi qual!). Assim como tive "crush" por um casal que nunca se concretizou. Mas faz parte da vida de leitor, não é?

Não gostei de certas posturas de alguns personagens, mas porque eles iam de encontro ao que tenho como valores. Então, foi bem pessoal. Mas nada que me impedisse de curtir a leitura :) 

Li o livro em e-book e se o design está linda, imagine a do livro físico? Adorei os efeitos nas páginas do capitulo (da para ver na foto). A capa resume bem do ponto central do livro. 

O beijo da morte é um livro que fala de amor. Um amor impossível. Daqueles que te transforma para sempre. 

Postado por Leatrice Barros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Então deixe seu comentário!

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo