17 abril 2017

Resenha "Sangue Mágico" da autora Ilona Andrews

Oiii pessoal!!!

A resenha de hoje é do livro "Sangue mágico - Serie Kate Daniels I" da autora Ilona Andrews, publicado pela Editora Saída de Emergência em 2015, contendo 245 páginas.

Fonte da imagem: Gisele Honorato


Sinopse: Se não fosse pela magia, Atlanta seria uma boa cidade para se morar... A magia chega como uma onda e tudo para de funcionar: os carros não ligam, as armas se tornam inofensivas.
No momento seguinte, a energia já se dissipou e a tecnologia reassume o controle, fazendo com que os feitiços de proteção já não sejam capazes de defender a sua casa da ameaça de monstros.
Nesse mundo, arranha-céus são derrubados por ataques violentos da magia; homens-lobo e homens – hiena vagam pelas ruas em ruínas; e os Mestres dos Mortos, necromantes levados pela sede de poder, controlam vampiros com o poder da mente.
Nesse cenário vive Kate Daniels, uma menina impulsiva e destemida que não leva desaforo para casa. Seu sangue a torna um alvo e, por isso, ela passou boa parte da vida escondida em meio à multidão. Mas quando seu guardião é assassinado, Kate precisa fazer uma escolha: deve continuar na segurança do anonimato ou perseguir o assassino e vingar a morte dos inocentes?

Sangue Mágico é uma espécie de distopia mesclada com o fantástico. Essa obra despertou minha curiosidade, primeiramente, pela capa que já demonstrava a quantidade de ação e aventura que o livro prometia, mas, em seguida, pela informação de que o livro fora escrito por uma dupla, ou melhor, um casal, através de um nome só. Fiquei sabendo que Ilona Andrews representava a própria e seu marido Gordon. 
Sempre fiquei muito interessada em livros que são escritos por mais de uma pessoa. Nunca compreendi como funciona essa dinâmica, e como o livro funciona tão bem, produzido por pessoas com pontos de vista tão diferentes só sei que esse primeiro volume de “Kate Daniels” deu muito certo. 
A narrativa de Ilona é fácil e ágil, contada na visão de Kate, com boa descrição dos cenários, personagens e eventos. Nela nos prendemos logo de cara e os elementos de fantasia e as várias criaturas acabam prendendo a nossa atenção. Os capítulos são longos, bem longos, mas há hiatos no decorrer da leitura, o que minimiza um pouco a sua leitura mais extensiva.
Apesar de sabermos que Atlanta está bem diferente da Atlanta dos dias atuais, não temos ideia de quando a narrativa ocorre: quanto tempo no futuro; pois acreditamos que seja no futuro que isso ocorre.
Os personagens secundários são igualmente importantes para a história, como o divertido Jim e o leal Derek. Devo destacar que Kate é uma protagonista maravilhosa, corajosa, destemida, leal, perigosa e sarcástica, não é definida como perfeita e nem é chorona. Já Curran é um tanto misterioso, forte, atraente e perigoso. Existe uma pequena chance de romance, mas se você espera um livro meloso e cheio de carinho vai ficar desapontado. O romance em Sangue Mágico é apenas uma leve faísca do que poderá acontecer nos outros volumes (e eu torço que sim, porque Curran é DEMAIS), mas fica claro que não é o objetivo principal dos autores.
Sangue Mágico é um livro maravilhoso, com uma narrativa incrível e o mundo que os Andrews criaram é inovador e singular, cercado de mistério, traição, ação e aventura. Os fãs de fantasia vão adorar este livro e vão ficar encantados. Enfim, a capa do livro representa bem Kate e sua espada (conhecida como Matadora *_*), a letra está num tamanho agradável para leitura.
É uma ótima opção de leitura para quem está querendo fugir um pouco do lugar-comum ou da mesmice de sempre. Recomendo! Boa leitura!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Então deixe seu comentário!

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo